Viagem à Antártida

O que significa partir da maior floresta tropical do planeta rumo à Antártida? É o que eu conto para vocês a partir deste sábado.

 

18/01/2020 – Do centro do mundo ao fim do mundo

Leia no El País

Baleia-jubarte em águas da Antárdita próximo à Ilha do Elefante, em 15 de janeiro. A bordo do navio, Arctic Sunrise, do Greenpeace. ABBIE TRAYLER-SMITH (Reprodução do El País)

Baleia-jubarte em águas da Antártida próximo à Ilha do Elefante, em 15 de janeiro. A bordo do navio Arctic Sunrise, do Greenpeace. ABBIE TRAYLER-SMITH (Reprodução do El País)

 

19/01/2020 – É luz demais

Leia no El País

O navio Arctic Sunrise, na Antártida. ABBIE TRAYLER-SMITH/GREENPEACE / ABBIE TRAYLER-SMITH (Reprodução do El País)

O navio Arctic Sunrise, na Antártida. ABBIE TRAYLER-SMITH/GREENPEACE  (Reprodução do El País)

 

20/01/2020 – Temos o direito de estar aqui?

Leia no El País

Pinguins-gentoo na Ilha Bombay, que pertence à Baía de Trinity, na Antártida. Local é um dos visitados na expedição do navio Arctic Sunrise, do Greenpeace. ABBIE TRAYLER-SMITH / GREENPEACE (Reprodução do El País)

Pinguins-gentoo na Ilha Bombay, que pertence à Baía de Trinity, na Antártida. Local é um dos visitados na expedição do navio Arctic Sunrise, do Greenpeace. ABBIE TRAYLER-SMITH / GREENPEACE (Reprodução do El País)

 

21/01/2020 – Quase dentro da boca da baleia

Leia no El País

Baleia jubarte abre a boca na Antártida. TOM FOREMAN/ GREENPEACE (Reprodução do El País)

Baleia jubarte abre a boca na Antártida. TOM FOREMAN/ GREENPEACE (Reprodução do El País)

 

Os cúmplices

Em 2020, cada um saberá quem é diante de uma realidade que exige coragem para enfrentar e coragem para perder

Fazendeiro caminha em meio a área devastada por incêndio na região de Porto Velho, Rondônia. (Foto: CARL DE SOUZA (AFP/Reprodução do El País)

Fazendeiro caminha em meio a área devastada por incêndio na região de Porto Velho, Rondônia. (Foto: CARL DE SOUZA (AFP/Reprodução do El País)

Leia no El País